Postagens populares

Tudo de bom

Nesta época do ano as pessoas costumam desejar “tudo de bom” umas para as outras. Você já parou pra pensar nestas três palavrinhas? Acho que deveriam ser usadas mesmo pra valer, com o maior esforço possível de todo mundo. Eu explico. Geralmente, nestas festas de fim de ano, as famílias se reúnem e algumas conversas não servem pra nada. Exemplos: falar mal de quem não veio, reclamar do que não deu certo, comentar sobre doenças que tivemos ou temos... ou que nem vamos ter nunca na vida. Pra que serve tudo isso? Então, entre na campanha do “vamos mudar de assunto” quando não for para falar de alguma coisa bacana: legal, divertida, gostosa da gente lembrar. Passe pra frente o melhor de você e dos outros que conhece. Porque defeitos, todo mundo tem. E as doenças são só um momentinho de fraqueza, um cutucão pra gente dar valor às coisas que importam de verdade. Um beijo grande! E tudo de bom mesmo. Em 2008 e pra sempre, de coração.

2 comentários:

CELYNEH disse...

que LEGAUUUUUUUU ESTE SEU TEXTO , MEUS PARABENSSSS FUTURA FILOSOFA TOMARA QUE VOCE FASA MAIS TEXTOS LEGAIS PARABENS.

Evelyn disse...

Eu vou tentar, prometo.
Bjs e volte sempre!