Postagens populares

Tipos de redação

Já que estamos falando sobre redação, acho bom explicar aqui os tipos mais pedidos na escola.
Quando a gente é menor, é só redação e pronto. Escrever sobre nossas férias, sobre a Natureza etc. Muitas vezes o tema é livre e a gente mesmo escolhe o assunto.

Depois precisamos saber que existem espécies diferentes.
Eu percebi, dando aulas particulares, que muitos alunos não entendem direito a diferença entre narração e dissertação. Então veja só. É muito simples:

NARRAÇÃO
Narrar é contar! O que faz um narrador de futebol? Ele CONTA o jogo.
Se você contar algo que aconteceu com você ou com outras pessoas, (de verdade ou de mentira, tanto faz), está fazendo uma narração.
Guarde este "truque" na memória: narrador de futebol conta o jogo.
Narrar é contar histórias, fatos, piadas...

DISSERTAÇÃO
Uma dissertação é bem diferente de uma narração.
Este tipo de redação serve para a gente DISCUTIR sobre algum assunto.
Ué, mas como alguém vai "discutir" sozinho, escrevendo?
Fazendo de conta, ora, só para ajudar na hora de escrever.
Você "finge" que está defendendo sua idéia numa conversa entre amigos, por exemplo.

Primeiro, coloca seu ponto de vista. (introdução)
Depois explica porque todos devem concordar com você. (argumentos)
No fim conclui, juntando tudo. (conclusão)

É isso! Deu para perceber que uma NARRAÇÃO é bem diferente de uma DISSERTAÇÃO, certo?

8 comentários:

Anônimo disse...

Minha prof. de redação passou um dever para a gente de montar uma peça, eu já escrevi a peça, mais o meu grupo está com dificuldade de interpretar as falas, vocÊ tem alguma dica?
obrigada desde já

Evelyn disse...

Bom, acho que, em primeiro lugar, vocês precisam tentar deixar as falas bem naturais.
Para os ensaios, cada um deve ter uma cópia da peça toda, mas com a sua parte destacada com um traço ou caneta de marcar texto.

Ensaiando bastante, cada um vai saber sua hora de falar e não precisa ser tudo decorado igualzinho ao texto.

Por exemplo:
A mãe entra na sala e diz:
"Crianças, já está na hora de dormir. Desliguem essa tevê!"

Não tem importância se a pessoa disse um pouco diferente, mas com o mesmo sentido:
"Pessoal, hora de ir dormir. Chega de ver televisão!"

Deu para entender? Não precisam ficar tão preocupados com as palavras exatas. Façam de conta que a cena é de verdade mesmo, cada um sabendo sua vez de falar.
Boa sorte!

Anônimo disse...

Obrigada pela dica, já estou treinando com o pessoal, o problema é que algum não interpretam naturalmente, e sim, como se estivessem lendo...mais muito obrigada pelas dicas, vc me ajudou muitíssimo

Evelyn disse...

Que bom!
Olha, realmente não é tão fácil assim interpretar. Até mesmo alguns atores conhecidos falam suas cenas de um jeito não muito natural, não é mesmo?
Mas, se quiser, tente fazer um ensaio sem nenhum texto para ler. Deste modo talvez o elenco consiga agir de um jeito menos decorado.
Outra dica: peça que todos falem devagar, pronunciando bem as palavras (porque na hora da peça, a tendência é falar tudo correndo e o público não entende o que é dito)
Boa sorte!

Anônimo disse...

Obrigada por tudo Evelyn =D,
E parabéns para o site, acompanho desde que tinha uns 6 anos..
Continue assim!

Evelyn disse...

Que beleza! Obrigada!
Talvez um dia a gente crie também uma "Oficina de Roteiros"... quem sabe...
Bjs! E conte sempre com a gente.

(*Déby* disse...

Gostei da simplicidade... é bem por ai... fica bem legal pra entender... adorei... abraços... bjs.

Evelyn disse...

Que bom, Déby.
Também adorei seu elogio.
Fico muito feliz em ajudar. Bjs